0

Papinhas salgadas para bebês

Atendendo ao pedido de uma mamãe, a Maerla, que deixou um recado muito fofo no blog. Obrigada pela visita! Divulgue o Nananenem e não deixe de passar por aqui de vez em quando, tá?


Antes das receitas, algumas dicas:
A primeira sopa salgada deve ser feita apenas com legumes cozidos.  As carnes (frango, boi, vísceras) devem ser introduzidas após a quarta ou quinta papa salgada.  O peixe só deve ser introduzido após os dez meses. Depois de um ou dois meses com a papinha doce e os sucos, é hora de introduzir (com cuidado) o sal na alimentação do bebê. Leia algumas dicas a seguir

As papinhas salgadas devem receber apenas uma pitada do tempero ao fim do preparo. Uma dica: se o alimento está bom de sal para o paladar de um adulto, certamente, estará salgado demais para uma criança. Também devem ser incluídos na receita os diferentes grupos de alimento, como vegetais, carboidratos e carne. Dessa maneira, a criança receberá os principais nutrientes para se desenvolver. Assim como as papinhas doces, as salgadas não podem ser liquidificadas, mas apenas amassadas. As carnes devem ser bem desfiadas. Elas podem ser inicialmente oferecidas uma vez ao dia, como uma espécie de almoço.

PAPINHAS SALGADAS
  • Primeira papinha
1 Batata inglesa média
1 cenoura média
Um pouco de espinafre
1 colher de sobremesa de oleo de girassol
Uma pitada de sal
Rendeu: 4 porções

  • Papinha de abóbora e mandioquinha
1 Pedaço de abóbora
1 chuchu
Um pouco de espinafre
2 batata salsa (mandioquinha) pequena
1 colher de sobreme de oleo de girasol
Uma pitada de sal
Um pouquinho de cebola
Rendeu 6 porçoes
  • Sopa de inhame e carne
8 inhames
6 vagens
1 abobora jamie
Metade de um pacote de broto de feijão
1 colher de sobremesa oleo de girassol
5 cubos pequenos de musculo
Uma pitada de sal
Um pouquinho de cebola
Rendeu: 6 porçoes

  • Sopa de mandioquinha com folhas
Umas folhas de alface coração
2 folhas de couve
1 tomate
1 mandioquinha (batata salsa/baroa)
1 batata inglesa
1 maço de brócolis pequeno (eu só usei as flores, mas o talo tb dá pra aproveitar)
Um pitade de sal
Uma colher de sobremesa de óleo de girassol
Um pouquinho de alho.
Rendeu: 7 porções

  • Sopa de cará com ervilhas
3 batatas carás médias
1 pedaço de moranga pequena
170 gramas de ervilhas
1 couve-flor pequena
1 pedaço de peito de frango
Um pouquinho de alho
1 colher de sobremesa de óleo de girassol
Um pouco de salsinha
Um pouco de sal
Rendeu: 8 porções

  • Papinha de macarrão com tomate
2 porções de macarrão ninho
1 tomate – sem pele, sem semente
1 pouco de alho
1 colher de sobremesa de azeite ou óleo (girassol, milho, canola)
Uma pitada de sal
- Junte o óleo, alho e o tomate e frite bem, até ficar um molho, se precisar vá amassando com um garfo, acrescente água e deixe ferver, e depois coloque o macarrão, cerca de 5 minutos e está pronto para ser servido.
  • Sopa de Beterraba com Chuchu
2 Beterrabas médias
1 Chuchu
6 Vagens
1 tomate
1 colher de café de sal
1 colher de café de alho
1 colher de sobremesa de óleo de girassol.
Rendeu: 4 porções
No caso dessa receita, percebi que a beterraba é muito difícil de amassar com o garfo, portanto, depois de cozida eu separei a beterraba dos demais ingredientes e bati no liquidificador. Particularmente sou um pouco contra o liquidificador, preferia ter usado um processador de alimentos, mas como não tenho, tive que improvisar!
  • Sopa de batata doce com agrião

1 batata doce grande
1 abóbora jamie pequena
Metade de um maço de agrião
1 litro de água
1 colher de sobremesa de cebola
1 colher de sobremesa de óleo de girassol
1 colher de café de sal 

0 comentários:

Postar um comentário

O que você achou desse post?

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...