0

Semana Mundial de Aleitamento



Olá gente!
O Blog Nananenem une forças por uma boa causa. É que nesta segunda-feira, 1º de agosto, começa a Semana Mundial de Aleitamento Materno. O objetivo da semana é divulgar informações sobre os benefícios da amamentação visando estimular a prática. As pessoas sabem que a amamentação tem enorme efeito protetor contra doenças comuns e infecciosas na infância, prevenindo a morbimortalidade, mas muitos desconhecem que ela é a melhor opção para garantir maior longevidade humana com qualidade de vida em todas as classes sociais.

Os benefícios da amamentação são inúmeros e incontestáveis. O leite materno é um alimento perfeito e a amamentação exclusiva (sem ingestão de água, chá ou sucos) é o ideal para os bebês até 6 meses de idade.

Apesar das vantagens da amamentação, infelizmente muitas mães só alimentam seus filhos ao peito por algumas semanas, introduzindo muito cedo a alimentação complementar. Os motivos alegados para a interrupção da amamentação são muitos, como acreditar que o leite é fraco, mas a falta de informação sobre a importância dessa prática é a principal causa.

No Brasil, a programação dessa semana é coordenada pelo Ministério da Saúde desde 1999 e implementada como campanha nacional. O objetivo é ajudar as mulheres a amamentar, desfazendo mitos, prevenindo ou tratando as complicações que podem prejudicar o aleitamento natural e, sobretudo, contribuindo para aumentar a autoconfiança das mães, uma condição básica para o sucesso da amamentação.

Aqui em Alagoas, a Maternidade Santa Mônica é referência no estado para gestantes e bebês de risco. Lá, funciona um Banco de Leite que precisa de doações. As Mamães que tem leite em excesso, podem entrar em contato com a Maternidade que eles disponibilizam uma equipe do Corpo de Bombeiros para coletar o leite em casa!

Além disso, a Maternidade precisa também de vidros de café solúvel e de maionese para pasteurização, armazenamento e distribuição do leite materno doado para os bebês prematuros e de baixo peso internos na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) e Unidade de Cuidados Intermediários (UCI) da unidade maternal.

De acordo com a coordenadora do Banco Leite, a pediatra neonatologista Andréa Pinheiro, o serviço utiliza cerca de cem vidros diariamente no processo de pasteurização, coleta e transporte do leite humano. “Estamos em situação de emergência para arrecadar esses vidros. Pedimos o apoio da população alagoana, pois a manutenção do nosso estoque significa o melhor desenvolvimento dos bebês prematuros. Não podemos desperdiçar um alimento tão precioso por não termos os vidros adequados para o processo de pasteurização”, destaca.

Ela ressalta que devido a alta temperatura do processo de pasteurização os vidros são reutilizados em média 3 ou 4 vezes, exigindo constantes substituições. Além disso, com a prática da compra de sachês, o fluxo de vidros nas residências e, consequentemente das doações dos mesmos diminuiu. “Agora eu peço que as pessoas que tiverem vidros guardados em casa que doem para o setor ”, apela a pediatra.

O BLH da Santa Mônica funciona 24 horas por dia, atendendo e orientando as gestantes e mães que amamentam e podem se tornar doadoras. Para doar os vidros, basta ligar para o número (82) 3315.4434 ou procurar a equipe do Banco de Leite na maternidade.

0 comentários:

Postar um comentário

O que você achou desse post?

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...